Além dos entorpecentes, fracionados em 10 porções diferentes, a polícia apreendeu R$ 1.250

 

Por Paula Vieira

A Polícia Militar prendeu em flagrante, na tarde desta segunda-feira (6), um educador, de 40 anos, acusado de comercializar drogas, no Jardim Barbugli, na cidade de Araraquara – Interior de São Paulo. Mais de 10 quilos de droga, além de materiais para o preparo e venda e dinheiros, foram apreendidos ao longo da ação.

Uma equipe do 13º Batalhão de Polícia Militar do Interior (BPM/I) realizava patrulhamento de rotina pela Avenida Professor Eugenio Francisco Mal, quando passaram em frente a uma residência, já indicada como suposta propriedade de um traficante local, localizaram um suspeito e fizeram a abordagem.

Em busca pessoal foram encontrados um tablete de maconha prensada envolta em filme transparente. O suspeito confessou o armazenamento de mais drogas em sua residência. Em diligências pelo local, foram apreendidas mais três porções prensadas de maconha, com tamanhos, pesos e formas diferentes.

Em continuidade às diligências, os policiais fizeram uma busca mais detalhada e encontraram, no armário da cozinha, o rolo de filme transparente que embalava as porções, uma balança e uma calculadora. No guarda-roupas do quarto, dentro de uma mochila, havia a quantia de R$ 1.250 e 10 tijolos e meio de maconha prensada.

O homem foi preso em flagrante e recolhido à cadeia pública de Santa Ernestina para transferência ao Anexo de Detenção Provisória (ADP), após audiência de custódia. A droga apreendida para exame toxicológico – totalizando mais de 11 quilos de substâncias apreendidas.

O dinheiro foi recolhido para depósito judicial e os objetos encaminhados para perícia. O caso foi registrada como drogas sem autorização ou em desacordo no plantão da Delegacia de Seccional de Araraquara e deverá ser encaminhada ao 3º Distrito Policial da cidade, responsável pela área, para prosseguimento das investigações.

Fonte: SSP SP

Carregar Mais Artigos Relacionados
Carregar mais por Bcn

Veja Também

Golpe contra aposentados é aplicado por telefone

Aposentados devem ficar em alerta para golpe (Fotoarena/Folhapress) Estelionatários estão …