Reverendo afirma que armas são necessárias para que pessoas possam se defender de “predadores”

 

A igreja do Santuário, em Newfoundland, na Pensilvânia, realizou uma cerimônia de renovação de votos de casamento de centenas de casais na última quarta-feira (28). A peculiaridade foi que os participantes foram encorajados a levarem seus rifles AR-15 para o local.

A igreja, liderada pelo reverendo Hyung jin Moon, diz que os rifles simbolizam o “rod of iron” (cajado de ferro, em tradução livre) que aparece na Bíblia. Por isso, os casais foram encorajados a levarem às armas na cerimônia. As armas são similares às utilizadas no tiroteio em escola na Flórida.

Armas são parecidas com usadas em tiroteio na Florida

Armas são parecidas com usadas em tiroteio na Florida/Getty Images

Por causa da repercussão da cerimônia, o pastor da igreja, Hyung jin Moon, publicou um texto na página do Facebook da instituição dizendo que a cerimônia seria feita em adoração à renovação dos votos e a Deus.

Moon complementa que todos têm a função de proteger “as famílias, comunidades e a nação”. Ele diz que as armas “permitem não só homens fortes, mas mulheres e idosos a terem habilidade para protegerem todos contra predadores”.

A Igreja foi fundada pelo em 22 de março de 2013 pelo reverendo Sun-Myung Moon.

Fonte: R7

Carregar Mais Artigos Relacionados
Carregar mais por BCN