Home Bcn Mais barata pela internet, transferência por TED deixa de ter valor mínimo a partir de hoje

Mais barata pela internet, transferência por TED deixa de ter valor mínimo a partir de hoje

3 primeira leitura
0

Tarifa custa R$ 16,02, em média. Limite mínimo da transferência era de R$ 250 até ontem

 

 

A partir desta sexta-feira (15), os bancos não podem mais exigir limite mínimo de valor para as transações de valores entre contas de bancos diferentes por meio da TED (Transferência Eletrônica Disponível), segundo a Febraban, federação dos bancos. O limite mínimo, até ontem, era de R$ 250 por operação.

As tarifas de TED pela internet são, em média, 17,3% mais baratas do que nas agências. A transferência na boca do caixa custa R$ 19,73, no caixa eletrônico custa R$ 15,23 e pela internet sai por R$ 16,02, de acordo com os dados de ontem do Banco Central do Brasil.

Publicidade

Se a TED for realizada dentro do horário do expediente bancário, a transferência cai na conta do favorecido no mesmo dia e não existe valor máximo para a operação.

Quando foi criada, em 2002, a TED tinha um limite mínimo de R$ 5 milhões e era um dos destaques do novo sistema de pagamento dos bancos. Segundo a Febraban, a eliminação do limite mínimo para as TEDs vai facilitar a vida dos consumidores na hora de transferir valores entre bancos diferentes.

Uma alternativa para as TEDs é a emissão do DOC (Documento de Crédito), que tem tarifas mais baratas, porém, tem limite máximo de valor (R$ 4.999,99) e prazo de compensação de, no mínimo, um dia útil, de acordo com o banco e a agência de destino. Na agência, o valor médio da tarifa do DOC é R$ 18,06, no caixa eletrônico custa R$ 13,17 e pela internet sai por R$ 16,02.

Fonte: R7

Carregar Mais Artigos Relacionados
Carregar mais por Bcn

Veja Também

Zé Ramalho tem sucesso de 1992 revivido em trilha de outra novela do gênero realismo fantástico

Em 1991, Zé Ramalho gravou versão em português de sucesso da música country norte-american…