Home Bcn Barcos de pesca de Gaza desafiam bloqueio de Israel e recebem tiros de alerta

Barcos de pesca de Gaza desafiam bloqueio de Israel e recebem tiros de alerta

4 primeira leitura
0

Foto: AFP

Um grupo de barcos de pesca palestinos na costa de Gaza desafiou um bloqueio da Marinha de Israel e recebeu tiros de aviso dos navios israelenses, neste sábado, disseram organizadores dos barcos.

Cerca de 20 barcos de pesca saíram da Cidade de Gaza em direção à fronteira marítima com Israel. O Ministro da Saúde de Gaza disse que não houve mortes.

Uma porta-voz militar de Israel afirmou que os navios deram aos barcos avisos verbais antes de dispararem para o ar.

Testemunhas palestinas afirmaram que alguns a bordo colocaram pneus em chamas e os lançaram à deriva em direção à fronteira marítima, antes de serem confrontados pelos quatro navios da Marinha israelense.

Israel afirma que o bloqueio naval a Gaza tem a intenção de prevenir que armas cheguem a grupos militantes, inclusive o Hamas, o movimento islâmico que controla o enclave palestino.

Mais de 2 milhões de palestinos se amontoam na Faixa de Gaza, que está passando por profundos problemas econômicos.

Israel e Egito, citando questões de segurança, mantêm restrições rígidas em suas fronteiras com Gaza, que reduziram a economia a um estado de colapso.

As Nações Unidas e esforços liderados pelo Egito tentam mediar um cessar-fogo de longo prazo entre Israel e o Hamas, que travaram três guerras desde 2008. A tentativa também tem a intenção de lidar com assuntos humanitários em Gaza e melhorar sua economia.

Adham Abu Selmeya, um dos organizadores da pequena frota, disse que o evento era para enviar uma mensagem a todos os lados envolvidos nos esforços pelo cessar-fogo.

“Queremos que o mundo veja a realidade do bloqueio e o sofrimento das pessoas de Gaza e não vamos aceitar nada menos do que o fim do bloqueio de uma vez por todas”, disse.

A violência entre as fronteiras cresceu nos últimos meses. Desde que protestos semanais começaram, em 30 de março, o exército israelense já matou 161 palestinos, e um atirador de Gaza matou um soldado israelense.

Na quinta-feira, mediações do Egito encerraram uma onda de dois dias de ataques de foguetes e bombardeios aéreos entre Israel e grupos militantes de Gaza.

Fonte: Reuters

Carregar Mais Artigos Relacionados
Carregar mais por Redação BCN
Carregar mais por Bcn

Veja Também

Polícia Civil prende por tráfico de drogas casal que ostentava vida de luxo em bairro da periferia de Presidente Epitácio

Dinheiro, celulares e documentos apreendidos pela Polícia Civil na residência do casal Dup…