Home Bcn Cigana é presa em Goiás suspeita de integrar grupo que causou prejuízo de R$ 200 mil ao INSS, diz PM

Cigana é presa em Goiás suspeita de integrar grupo que causou prejuízo de R$ 200 mil ao INSS, diz PM

3 primeira leitura
0

Foto: Divulgação/PM

Léia Fagundes estava foragida desde 2015 e responde por estelionato. Segundo os policiais, ela agia no Tocantins.

 

Foragida da Justiça há três anos, a cigana Léia Fagundes, de 42 anos, foi presa em Goiatuba, na região sul de Goiás, suspeita de integrar um grupo que causou um prejuízo de R$ 200 mil ao Instituto Nacional do Seguro Social (INSS). Segundo a Polícia Militar, ela não quis se pronunciar no momento da detenção.

O G1não conseguiu localizar a defesa de Léia Fagundes até a publicação desta reportagem.

A prisão resultou de uma parceria da Polícia Federal, responsável pela investigação da fraude, em parceria com a Polícia Militar de Goiás, que localizou a mulher por volta das 10h de segunda-feira (6). Ela estava dentro de um carro, um VW Gol, na Avenida Clóvis Rodrigues do Vale, no Setor Oeste.

Golpe

De acordo com o tenente da Polícia Militar Alex Dias de Vasconcelos, policiais federais identificaram que Leia e mais 10 pessoas usavam da etnia cigana para aplicar os golpes. Eles atuavam no Tocantins.

“Eles revezavam entre si, indo ao cartório de registro civil e abriam certidões de nascimento tardias, em seguida iam ao INSS e davam entrada em benefícios previdenciários com vários nomes. A Polícia Federal apurou que eles deram um rombo de R$ 200 mil”, disse o tenente.

Leia está detida no presídio de Goiatuba. Segundo a Polícia Militar, ela deve ser transferida ao Tocantins.

A assessoria de imprensa da Polícia Federal no Tocantins informou que o mandado de prisão de Léia foi expedido em 2015 e, como o inquérito é antigo, não tem detalhes do caso. A ação por estelionato já corre na Justiça Federal.

Policiais militares localizaram Léia Fagundes dentro de um cafrro em Goiatuba, em Goiás (Foto: Divulgação/ TV Anhanguera)

Policiais militares localizaram Léia Fagundes dentro de um cafrro em Goiatuba, em Goiás (Foto: Divulgação/TV Anhanguera)

Fonte: G1

Carregar Mais Artigos Relacionados
Carregar mais por Redação BCN
Carregar mais por Bcn

Veja Também

Polícia Civil prende por tráfico de drogas casal que ostentava vida de luxo em bairro da periferia de Presidente Epitácio

Dinheiro, celulares e documentos apreendidos pela Polícia Civil na residência do casal Dup…