O acusado fornecia diversos materiais gráfico falsos para criminosos de outros estados aplicarem golpes

 

Por Paula Vieira

A Polícia Civil prendeu, na tarde desta quinta-feira (7), um homem que fornecia documentos falsificados para criminosos dos estados do sul do país, no Terminal Rodoviário do Tietê. Ao longo da ação, 64 cédulas de identidade falsas dos estados de Santa Catarina e do Paraná foram apreendidas.

Agentes da 2ª Delegacia de Polícia de Investigações sobre Estelionato do Departamento Estadual de Investigações Criminais (Deic) receberem informações da polícia do Paraná sobre um esquema de colaboração entre criminosos e investigaram o envolvimento entre os grupos interestaduais.

De acordo com a unidade especializada de polícia paranaense, foi apurado que os golpistas do sul do país adquiriam, em São Paulo, grande quantidade de material gráfico, como espelhos de carteiras de identidade falsos, e os utilizando para a obtenção de empréstimos fraudulentos em outros estados.

A partir das investigações da delegacia subordinada ao Deic, um dos envolvidos foi identificado e preso. Com ele foi apreendida uma remessa de 64 cédulas de identidade falsas. O acusado aguardava duas emissárias que recolheriam o material e o levariam para os estelionatários sulistas.

Simultaneamente as mulheres foram detidas dentro de uma agência bancária, em Curitiba, quando realizavam a contratação de um empréstimo fraudulento. O compartilhamento das informações entre as equipes do estados de Paraná e São Paulo permitiu identificar o responsável pela entrega.

O autor foi preso em flagrante por falsificação de documento público. A Polícia Civil prossegue com as investigações.

Fonte: SSP SP

Carregar Mais Artigos Relacionados
Carregar mais por Geral

Veja Também

Gabigol ‘dá a cara a tapa’ e cita permanência: ‘Na alegria e tristeza’

Gabigol dá a cara a tapa e chama responsabilidade por situação no Santos (Foto: Pedro Vale…