Home Bcn Discípulos acusam guru espiritual Sri Prem Baba de abusar de mulheres

Discípulos acusam guru espiritual Sri Prem Baba de abusar de mulheres

5 primeira leitura
0

Denúncia foi feita pelos ex-maridos de duas ex-lideradas em um encontro do mestre hinduísta. Líder não nega ter mantido as relações

 

 

O guru espiritual Sri Prem Baba, de 52 anos, está sendo acusado de abusar de discípulas de sua comunidade de seguidores em São Paulo. A denúncia foi feita pelos ex-maridos de duas ex-lideradas em um encontro do mestre hinduísta com cerca de 30 pessoas – que se reuniram no domingo (26/8) com ele para colocar a questão em pratos limpos.

Prem Baba não nega que se relacionou sexualmente com as duas mulheres. Em um vídeo divulgado apenas para seus seguidores, dois dias depois do encontro, ele admite que se envolveu “com uma pessoa casada” entre 2008 e 2010 e que teve ainda um segundo relacionamento. As informações são da colunista Monica Bergamo .

A assessoria do líder espiritual rejeita de forma enfática a acusação de abuso e diz que ele nunca negou ter tido relações amorosas. A história vem causando perplexidade na comunidade do mestre. Em várias entrevistas, Prem Baba, que é considerado o guru de celebridades como Bruna Lombardi e Reynaldo Gianecchini e arrebanha milhares de seguidores em diversos países, se declarou celibatário.

Relatos
De acordo com o relato feito por um dos ex-maridos na reunião, o mestre teria abusado da confiança e de seu poder para manter relações sexuais com sua mulher. Ele contou que atravessava uma crise conjugal em 2008 quando, junto com a então esposa, decidiu procurar a ajuda do guru para salvar o casamento.

Os dois já faziam parte do grupo de seguidores do líder – ela inclusive o assessorava em questões de agenda. Prem Baba deu conselhos e, depois de um tempo, chamou a discípula para conversar. Em um primeiro momento, sempre segundo os relatos do ex-marido, afirmou que faria nela exercícios tântricos. Logo eles evoluíram para relações sexuais.

A seguidora, que tinha plena confiança no mestre, acreditou que aquilo a ajudaria, de alguma forma, a se reaproximar do marido. O relacionamento com o líder espiritual, que ela consideraria um tratamento, durou dois anos. Naquele tempo, o então marido chegava a beijar os pés dele em cerimônias como sinal de devoção. O casal acabou se separando. Os dois seguiram na comunidade de Prem Baba.

O ex-marido disse no encontro que a ex-mulher sempre acreditou nas boas intenções do líder. Só recentemente, depois de sofrer depressão e síndrome do pânico, ela buscou tratamento psicológico tradicional e teria percebido que foi vítima de abuso.

Fonte: Metrópoles

Carregar Mais Artigos Relacionados
Carregar mais por Redação BCN
Carregar mais por Bcn

Veja Também

Desembargador do TRF-2 manda soltar Michel Temer, diz jornal

Informações foi repassada pelo advogado Eduardo Canelós a aliados do emedebista A soltura …