Maduro renova governo e indica mulher como vice

3 primeira leitura
0

O presidente também criou dois novos ministérios

 

 

O presidente da Venezuela Nicolás Maduro, realizou uma reforma no gabinete, menos de um mês depois de ter sido reeleito.

Ele indicou a mandatária da Assembleia Nacional Constituinte, Delcy Rodríguez, como sua vice, no lugar de Tareck El Aissami, que ocupava o cargo desde janeiro de 2017.

PUB

“Designei como vice-presidente uma mulher jovem, valente, forte, ‘filha de mártir’, revolucionária e testada em diversas batalhas: nossa irmã Delcy Eloína Rodríguez”, escreveu Maduro no Twitter.

Após a designação, ela agradeceu ao mandatário pela “confiança depositada” e prometeu que somará “todos os esforços e espiritualidade para acompanhar o chefe de Estado na defesa do país”.

Com 49 anos, Delcy é filha de Jorge Antonio Rodríguez, criador da Liga Socialista na Venezuela.

Acidente de ônibus deixa 13 mortos e 30 feridos na Bolívia

Ela foi ministra de Comunicação e Informação entre 2013 e 2014 e, até junho de 2017, ocupou o cargo de chanceler, em uma época em que mais de 100 pessoas foram mortas em manifestações contra o governo.

Na época, a agora vice-presidente gerou polêmica por afirmar que a Venezuela “tinha comida para alimentar três países”, negando a existência de uma crise de abastecimento. E, desde julho passado, presidia a Assembleia Constituinte.

Maduro também criou dois novos ministérios – o de Indústria e Produção Nacional e o de Atenção às Águas.

“A épica vitória do povo nos leva a um novo começo. Pelo mandato que vocês me deram, decidi fazer uma renovação parcial e profunda no gabinete executivo”, escreveu.

O presidente foi reeleito em 20 de maio, em uma votação contestada pela oposição e pela comunidade internacional, que a considerou fraudulenta. Com informações da ANSA.

Fonte: Notícias ao Minuto

Carregar Mais Artigos Relacionados
Carregar mais por Redação BCN
Carregar mais por Internacional

Veja Também

Investigação não encontrou evidências de que Trump obstruiu inquérito sobre Rússia, diz Barr

O secretário de Justiça e procurador-geral dos Estados Unidos, William Barr, disse nesta q…