A informação foi confirmada pelo Governo do Estado de São Paulo

O jornalista Ricardo Boechat, de 66 anos, morreu após uma queda de avião na manhã desta segunda-feira (11), na Rodoanel, em São Paulo. A informação foi confirmada pelo governo do estado. De acordo com a Revista Veja, a informação foi confirmada pelo governo do estado. Atualmente, o jornalista estava trabalhando no Grupo Bandeirantes de Comunicação.

Foto: Reprodução/TV Globo

Segundo informações da Band, onde Boechat trabalhava atualmente, o jornalista iria para Campinas, no interior de São Paulo, onde daria uma palestra.

Boechat começou a carreira de jornalista na década de 1970, como repórter do extinto jornal Diário de Notícias, no Rio.

Anos depois, integrou a equipe do colunista social Ibrahim Sued. Em 1983, começou a trabalhar no GLOBO, onde ficou até 2001. Ele também trabalhou nos jornais O Dia, O Estado de S. Paulo e Jornal do Brasil.

Queda
Duas pessoas morreram após um helicóptero cair sobre um caminhão na Rodovia Anhanguera, em São Paulo nesta segunda-feira (11). O acidente aconteceu no trecho próxima ao Rodoanel Mário Covas.

O Corpo de Bombeiros foi chamado para apagar o incêndio provocado pelo choque entre o helicóptero e o caminhão. As primeiras informações divulgadas pela GloboNews indicam que as duas pessoas mortas estavam na aeronave. As duas vítimas ainda não foram identificadas.

Os bombeiros conseguiram controlar o fogo, mas os destroços do helicóptero ainda permanece na pista. Há um grande congestionamento no local. Fonte: Ibahia

Carregar Mais Artigos Relacionados
Carregar mais por Redação BCN
Carregar mais por BCN

Veja Também

‘Abraço’ na Serra da Moeda protesta por rompimento de barragem da Vale em Brumadinho

Realizado há 12 anos, projeto pede a conservação ambiental de cadeia montanhosa. Neste dom…