Home Bcn PF deflagra operação em combate ao desvio de recursos públicos em cidades na Bahia

PF deflagra operação em combate ao desvio de recursos públicos em cidades na Bahia

3 primeira leitura
Comentários desativados em PF deflagra operação em combate ao desvio de recursos públicos em cidades na Bahia
0
225

Foto: Reprodução

Cerca de 60 agentes da PF, acompanhados de nove auditores da CGU, cumprem 20 mandados de busca e apreensão e 14 de intimação nos municípios baianos

 

 

A Polícia Federal (PF), em conjunto com a Controladoria Geral da União (CGU), deflagrou na terça-feira (24), a Operação Ciranda de Pedra em oito cidades da Bahia. A ação tem como objetivo combater crimes de desvio de recursos públicos destinados a área da infraestrutura na cidade de Maiquinique, nos anos de 2012 a 2017. Maiquinique fica à 423 Km de Guanambi.

Cerca de 60 agentes da PF, acompanhados de nove auditores da CGU, cumprem 20 mandados de busca e apreensão e 14 de intimação nos municípios baianos de Maiquinique, Macarani, Itapetinga, Itamaraju, Teixeira de Freitas, Jequié, Mirante e Vitória da Conquista – todos na mesma região.

Segundo o G1, a organização criminosa obteve contratos da ordem de R$ 3.428.183,03, dos quais R$ 1.587.619,76 está estimado como o valor do desvio com ordem de bloqueio judicial.

A operação é resultado de uma investigação iniciada em 2017, sobre obras inacabadas na pavimentação em Maiquinique, que deveriam ser executadas nas ruas do município. Para realização das obras, foram feitos seis procedimentos licitatórios no quadriênio 2013-2016, em convênio com o Ministério das Cidades.

Além dos serviços não executados ou parcialmente executados, a investigação aponta que um grupo de quatro empresas fazia revezamento nas licitações e parte dos recursos eram destinados a pagamentos de parentes e pessoas ligadas à administração municipal.

Ainda conforme as investigações, algumas dessas empresas, vencedoras de licitações recorrentes, serviam apenas de “fachada” e eram compostas por sócios “laranjas”. Os envolvidos responderão pelos crimes de organização criminosa, lavagem de dinheiro, desvio de recursos públicos e fraude à licitação.

Fonte: Agência Sertão

Carregar Mais Artigos Relacionados
Carregar mais por Redação BCN
Carregar mais por Bcn
Comentários estão fechados.

Veja Também

Prazo para regularizar situação no BPC vai até 31 de março

Data é para quem nasceu no primeiro trimestre As pessoas que recebem o Benefício de Presta…