Os homens não tiveram a identificação revelada para não atrapalhar a investigação, segundo a corporação.

 

polícia informou que os agentes que foram atacados na madrugada deste domingo (23) no Vidigal, Zona Sul do Rio, identificaram três suspeitos de participarem da troca de tiros que acabou com a morte do sargento Hudson Silva de Araújo.

A identificação foi feita pelo serviço de inteligência da PM e, segundo a corporação, os suspeitos são criminosos já conhecidos da comunidade e atuam no crime organizado da região. Os homens não tiveram a identificação revelada para não atrapalhar a investigação, segundo a corporação.

O sargento Hudson foi o primeiro policial morto no Vidigal desde que a UPP foi instalada na comunidade, em janeiro de 2012. Os moradores dizem que a situação no morro era calma, mas mudou de uns tempo pra cá.

Após a morte do policial militar, a segurança foi reforçada na comunidade do Vidigal. A PM faz operações na comunidade desde domingo (23) para tentar encontrar os criminosos que mataram o sargento.

A PM disse também que as UPPs vão passar por uma reestruturação, e que o novo plano estratégico será divulgado em breve.

Fonte: G1

Carregar Mais Artigos Relacionados
Carregar mais por Redação BCN
Carregar mais por Bcn

Veja Também

Estudo revela quão perdidos estaríamos se o GPS sofresse uma queda

Uma interrupção do serviço GPS poderia até mesmo causar uma perda diária de 1 bilhão de dó…