Um dos objetivos é investigar suposto esquema de lavagem de dinheiro

 

Por Juliana Valente, estagiária

A Polícia Civil realiza, na manhã desta quinta-feira (23), duas operações para desarticular e prender integrantes de uma milícia que atua na zona oeste, Baixada Fluminense e na Costa Verde. Segundo a polícia, o grupo pratica nessas regiões crimes de homicídio, extorsão, roubo, receptação e porte ilegal de armas de fogo. As operações são integradas e contam com o apoio da CCC-LD (Coordenadoria de Combate a Corrupção e Lavagem de Dinheiro), DH (Divisão de Homicídios) e o Gaeco (Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado do Ministério Público).

Ao todo, a DH busca cumprir 31 mandados de prisão preventiva e 42 de busca e apreensão. A CCC-LD está responsável por recolher provas sobre um suposto esquema de lavagem de dinheiro realizado por pessoas ligadas à quadrilha do miliciano Carlinhos Três Pontes, morto em abril deste ano. Segundo as investigações, empresas de terraplanagem estariam sendo usadas para dar uma aparência de legalidade ao dinheiro obtido de forma ilícita, por meio dos diversos crimes praticados pela milícia na zona oeste e na Baixada.

Policiais de delegacias especializadas e da CORE (Coordenadoria de Operações e Recursos Especiais) também participam dessas operações.

Fonte: R7

Carregar Mais Artigos Relacionados
Carregar mais por Redação BCN
Carregar mais por Bcn